Bagarai
Carros
Motos
Carros
2 meses atrás

Lançamentos de carros 2018 que vão fazer a diferença

Lançamentos de carros 2018 que vão fazer a diferença

A depressão no mercado automobilístico parece enxergar, ao longe, uma luz no fim do túnel, e não é um trem desgovernado vindo na direção oposta. O ano de 2018 promete trazer um crescimento nas vendas, e as empresas não querem deixar passar a oportunidade para recuperar, de alguma forma, o que se perdeu nos últimos anos com a crise do país.

Algumas estão aproveitando para renovar o “estoque” de modelos até então comercializados, ou entrar num novo segmento. Outras apenas estão “maquiando” os modelos já existentes. Vamos começar pelos modelos crossovers, tão procurados hoje:

Chevrolet Equinox LT

O modelo da marca americana agora vai implementar uma versão de entrada mais em conta, apenas R$ 134.900, mas manterá a versão top por R$ 149.900. Quais são as diferenças?

O motor 2.0 turbo de 262cv e 37kgfm de torque do modelo completo (Premier) e o câmbio automático de 9 marchas será mantido na versão de entrada. Contudo, versão LT oferece apenas tração dianteira, seria como dirigir a versão Premier com o 4X4 desativado.

Mas as principais diferenças do Chevrolet Equinox estão nos itens de tecnologia, a versão LT não tem: a opção de revestimento interno em duas cores, a memória da posição do banco para o motorista, a abertura e fechamento da tampa do porta-malas por sensor de movimento, o carregador de celular por indução magnética, sistema de estacionamento automático, sensor de chuva que liga o limpador de para-brisa automaticamente, som premium, faróis dianteiros de LED, teto solar panorâmico; e alguns itens de segurança, tais como: alerta de colisão frontal, de movimentação traseira, dos pontos cegos e de permanência na faixa, o sistema de vibração do banco do motorista e a frenagem automática de emergência.

Compensa deixar todos esses itens por uma diferença de R$ 15.000?… Num carro desse valor parece que não, mas isso depende do gosto do comprador.

Ford EcoSport Freestyle 4X4

Mantendo o motor 2.0, o modelo 4X4 do Ford EcoSport terá apenas câmbio automático, ótimo avanço em relação ao seu precedente de câmbio manual. O preço será aproximadamente de R$ 95.000 e o lançamento acontecerá provavelmente ainda esse mês de janeiro.

Citroën Cactus

Ainda não temos muitas informações sobre esse carro, mas a marca francesa afirmou que já está finalizando o modelo chamado F3, mas conhecido no Brasil como C4 Cactus. O design será semelhante ao modelo europeu, apenas com algumas modificações nas janelas traseiras. Diferenças maiores se encontram no acabamento interno do veículo, será melhor ou pior?… ainda não sabemos!
O motor também já está definido: será o 1.6 THP flex, com câmbio automático de 6 marchas.

O lançamento deverá acontecer ainda nesse semestre.

Peugeot 2008 e Peugeot 5008

Além do Cactus, a PSA tem mais duas cartas na manga: o Peugeot 2008 e Peugeot 5008.

O Peugeot 2008 terá seu estilo renovado e ficará mais parecido com o modelo 3008. Também terá o câmbio automático de 6 marchas opcional no 1.6 THP.

O Peugeot 5008 com grandes dimensões (4,64m e 2,84m), o modelo comporta até 7 pessoas em três fileiras de bancos. O motor a ele destinado é o 1.6 THP Gasolina de 165 cv. Presume-se que o preço será em torno de R$ 150.000, e seu lançamento acontecerá ainda no primeiro semestre de 2018.

Volkswagen T-Cross e Volkswagen Tharu

Com um motor 1.0 TSI de 128 cv e câmbio automático de 6 marchas, o modelo da marca alemã ficou agendado para o segundo semestre de 2018 e terá um preço abaixo dos R$ 90.000, bem abaixo do modelo Tharu que será fabricado na Argentina.

O modelo crossover de porte médio será produzido em nossa vizinha Argentina a partir de 2020 e terá proporções semelhantes ao modelo Skoda Karoq, mas com estilo diferente. Proveniente da mesma plataforma MQB A1 do Golf, o modelo também deve se beneficiar dos motores 1.0 TSI e 1.4 TSI. O futuro confirmará, ou não, essas informações. Resta-nos aguardar!

Renault Koleos

O modelo ainda é uma incógnita. Mas se vier, tudo indica que será na versão Intense 2.5 de 170cv e 23,5kgfm, com câmbio CVT.

Honda CR-V

O modelo chega à sua quinta geração, e traz grandes novidades: ele dividirá a plataforma do sedan Civic, e terá o seu motor 1.5 turbo de injeção direta e a caixa CVT, que garantem uma força que o anterior 2.0 nunca teve. O modelo também será maior e mais luxuoso que a geração anterior, com capacidade para até 7 pessoas. Maior e mais bem acabada, ficou também muito melhor para dirigir. Contudo, tudo tem o seu preço, e neste caso será de R$ 150.000. A marca japonesa está contando com a fidelidade dos seus clientes.

Chery Tiggo 2, Tiggo 5, Tiggo 7

A família Chery também traz novidades. Começando pelo modelo mais simples, o Chery Tiggo 2, que foi criado sobre as bases do Chery Celer, terá o motor 1.5 16v e câmbio manual. O preço não chegará a R$ 60.000.

O novo Chery Tiggo 5 está de cara nova e em nada lembra a geração anterior. Ficou mais espaçoso pelo aumento do entre-eixos de 2,60mt, e a motorização acompanhou o avanço, agora com 1.5 turbo de 150 cv. Mas não se sabe nada sobre seu preço ou data de chegada.

Já o Chery Tiggo 7, de porte médio, tem dimensões de 4,50m de comprimento e 2,67m de entre-eixos. Ele oferece a opção de câmbio manual ou automático de dupla embreagem, ambos com 6 marchas. A motorização ainda não está muito bem definida, mas as possibilidades são o motor 1.5 turbo de 150cv e 20,9kgfm de torque e o 2.0 aspirado de 122cv e 18,3kgfm e câmbio CVT. O preço deve ficar abaixo dos R$ 100.000.

JAC T40 e JAC T70

Ninguém quer ficar de fora! A marca JAC também apresenta duas novidades: o JAC T40 e o JAC T70.

O JAC T40 terá um aumento de motor, passando do 1.5 para o 1.6 CVT e também ganhará em torque.

O JAC T70 é a opção mais requintada de crossover da marca chinesa, e será bem grande, com 4,79m de comprimento e aos 2,80m de entre-eixos. Isso permitirá uma terceira fileira com 2 bancos no porta-malas. O motor poderá ser o 1.5 turbo com 174cv ou 2.0 turbo de 190cv. Ainda não sabemos a faixa de preço.

Kia Stonic

Aqui está outra novidade que promete conquistar o mercado brasileiro, graças ao seu design arrojado e esportivo. O modelo da marca japonesa tem 4,14m de comprimento, entretanto o entre-eixos é de consideráveis 2,58m e seu porta-malas tem 352 litros. A maior possibilidade de motor é o convencional 1.6 flex, mas há esperanças de que seja o inovador Kappa 1.0 de 120cv e 3 cilindros, com turbo e injeção direta.

BMW X2 e BMW X3

A BMW X2 é, por assim dizer, uma versão meio cupê da BMW X1. Arrojado e bem esportivo, o modelo tem menos área de vidro e um capô maior, e também está 7cm mais baixo, o que aumenta sua fixação no chão. Suas dimensões são 4,36m de comprimento e 2,67m de entre-eixos, e o bagageiro tem 470 litros. O motor será o 2.0 turbo com 192cv. Câmbio automático de dupla embreagem e 7 marchas, mas apenas com tração dianteira. isso permite que o X2 alcance de zero a 100km/h em 7,7 segundos. A marca alemã afirma que o preço será bastante superior aos R$ 185.000 do X1, pois pretende preencher a lacuna entre esse modelo e o X3 que custa R$ 325.000.

E por falar nele, o X3 já pode ser reservado online no Brasil, e está disponível em duas versões: xDrive30i X-Line 2.0 de 252cv e M40i 3.0 de 360cv. Na primeira versão o carro pode atingir de zero a 100 km/h em 6,3 segundos, e na mais potente faz isso em 4,8 segundos. Pretende-se que a produção aqui no Brasil comece ainda em 2018, mas as primeiras unidades serão importadas.

Mitsubishi Eclipse Cross e Mitsubishi Pajero

Completamente diferente da sua versão original, o modelo Eclipse ganhou uma cara crossover, e promete conquistar um público ainda muito maior que seu antecessor. A marca afirma que sua proposta deverá preencher o espaço entre o modelo ASX (R$ 129.000) e o Outlander (R$ 145.000), o que não está nada mal para um carrão desse. O motor será o 1.5 turbo de 163cv e 25,4kgfm, com câmbio automático CVT.

A nova Pajero também está de cara nova, com contornos mais arredondados que a geração precedente. Tanto os faróis quanto a grade do para-choque adquirem as novas linhas da marca, atribuindo um visual moderno e sofisticado ao modelo. A nova geração estará equipada com o mesmo 2.4 turbodiesel da Triton Sport, 190cv e 43,9kgfm, câmbio automático de cinco marchas e tração 4×4.

Volvo XC40

A grande novidade desse carro é parte tecnológica que trará um sistema de condução semiautônoma. O motor continua sendo o 2.0, mas com 190cv ou 254 cv dependendo da versão. Os preços se iniciam em R$ 170.000 na versão XC40 T4 e vai até R$ 210.00 na T5 R-Design. O modelo da marca sueca terá como principais concorrentes os modelos: Audi Q3, BMW X1 e Mercedes-Benz GLA.

Jeep Wrangler e Jeep Cherokee

Nem as marcas mais caras deixaram de trazer novidades para 2018, mas com outra categoria. A Jeep apresenta o modelo Wrangler, neto do Willys de 1941, com motor 3.6 V6 Pentastar de 289cv ou um 2.0 turbo de 271cv. O modelo ainda permite retirar o porta-malas e rebater o para-brisa, além de ter renovado o interior do veículo deixando-o mais refinado.

O modelo Cherokee, já conhecido de todos, foi reestilizado. A maior mudança é no painel da carroceria, que alterou completamente a parte frontal. Também os faróis passam a ser os convencionais e não aqueles divididos. Também traz algumas mudanças em detalhes no interior do veículo. O motor será o 2.0 turbo. A previsão de chegada no Brasil é para o segundo semestre de 2018.

Jaguar E-Pace

Uma verdadeira nave! O modelo de entrada tem nada mais nem menos que um motor 2.0 turbo Ingenium de 250cv e 37,7kgfm (zero a 100km/h em 7 segundos e máxima de 230km/h) e a versão completa entrega 300cv e 40,7kgfm(6,3 segundos e 243 km/h). Já está sendo comercializado e os preços variam de R$ 195.400 a R$ 276.000. Nada mal, não é?

Porsche Cayenne

O modelo chega à sua terceira geração, e ficou ainda mais esportivo. A maior novidade do carro é o inédito eixo traseiro direcional, que gira levemente as rodas traseiras na direção oposta das dianteiras quando o carro está em baixa velocidade e assim diminui o ângulo da curva; e gira na mesma direção das dianteiras quando em alta velocidade, aumentando a estabilidade em curvas rápidas. Impressionante!

Mas isso não é tudo: a versão de entrada (se é que isso existe para um carro desse…) tem um motor 2.9 V6 biturbo com 440 cv, fazendo de zero a 100km/h em 4,9 segundos; e numa versão mais “completa” possui o Turbo 4.0 V8 de 550cv, que vai aos 100km/h em 3,9 segundos e chega à velocidade de 286km/h. Achou rápido? Espere para ver o próximo carro!

Lamborghini Urus

O modelo tem o motor 4.0 V8 biturbo de 650cv e 86,6kgfm, câmbio automático de oito marchas e tração integral, fazendo de 0 a 100km/h em impressionantes 3,6 segundos e atingindo 300 km/h. Ele só não voa, ainda… Sua chegada ainda não tem data certa, mas espera-se que será em breve!

Com este encerramos os modelos crossover e passamos para os hatches, sedans e picapes

Chevrolet Spin

A Spin é o único modelo da Chevrolet que ainda não passou por uma “reforma”. Mas sua nova cara deverá aparecer ainda no primeiro semestre de 2018. Tudo indica que os contornos, especialmente da frente, serão similares aos de seus irmãos Cobalt e Cruze novos. O motor continua sendo o mesmo da geração anterior e o MyLink foi atualizado.

Citroën C4 Lounge

O modelo ficará ainda mais longo, fazendo jus ao nome. Contudo, o motor não sofrerá modificação: 1.6 THP flex de 173 cv. Porém, agora só terá o câmbio automático de 6 marchas. Previsão para segundo semestre de 2018.

Fiat Cronos

O imponente modelo da marca italiana apresenta o mesmo visual do Argo, mas em sua forma sedan. Com 5 cm a mais de distância entre eixos, o Cronos promete ser bastante espaçoso. As versões serão as mesma do Argo, Drive e Precision. O Cronos, ao contrário do Argo, não tem opção 1.0. Seu motor 1.3 de até 109cv e 14,2kgfm terá caixa manual ou automatizada de 5 marchas. O automático convencional de 6 marchas só estará disponível para a versão com motor 1.8 de 139cv e 19,3kgfm. O valor da versão de entrada deve ficar próximo dos R$ 55 mil.

Fiat Cronos é o rival direto do Volkswagen Virtus, e chegarão às concessionárias praticamente ao mesmo tempo.

Volkswagen Virtus

Mais conservadora, a marca alemã não mudou muito as linhas de seus desenhos, e a cara do novo modelo não tem grande diferença dos já consagrados. Com dimensões de 4,48 metros de comprimento (42,5 cm maior que o Polo) e 2,65 m de entre-eixos (idêntico ao do Jetta atual), o VW Virtus pretende ser um sedã médio-pequeno. A altura do teto pode atrapalhar os passageiros de trás que medirem mais de 1,82 m, mas em compensação o porta-malas tem 521 litros. As opções de motor são: 1.6 MSI de 117 cv e 1.0 turbo de 128 cv. Ao que tudo indica o preço deve ficar abaixo de R$ 60.000.

Volkswagen Jetta

Pouco ou nada se sabe sobre o design da nova geração do Jetta, que tem andado sempre camuflado para testes. Sabe-se, contudo, que ele passará para a plataforma MQB A1 usada para o Golf. O motor continuará sendo o mesmo 1.4 TSI flex de 150cv e 25,5 kgfm de torque a 1.500 rpm. Qual será então a novidade? Manterá a tradicional cara de seus outros modelos, inovará – mesmo que pouco – como fez com o Golf? Não sabemos… Mas a expectativa é que a marca alemã pelo menos invista um pouco mais no acabamento interno do carro. O modelo será exibido no Salão de Detroit.

Picape Volkswagen

Aqui sim algo completamente novo! A Volkswagen confirmou oficialmente o projeto de uma nova picape de porte pequeno, sem nome ainda, e que faz parte de seu projeto de lançar 20 carros até 2020, dos quais 13 serão feitos no Brasil e 2 na vizinha Argentina.

O novo modelo utilizará a plataforma MQB A1 e parece que compartilhará componentes da Thauru. Por isso, espera-se que a motorização seja igual ou parecida com a deste modelo, porém com tração integral permanente 4Motion.

Volkswagen Amarok V6

A Amarok também não ficou de fora dos aprimoramentos. Ela agora está equipada com o motor 3.0 V6 turbodiesel de 225cv entre 3.000 a 4.500 giros e 56,1kgfm a 1.500 rpm. Talvez mais importante que isso, seu preço inicial é de R$ 188.000, perdendo apenas para a Chevrolet S10 2.8, mas compensa isso graças ao motor Diesel.

Picape Fiat

Vem aí uma nova geração do modelo Strada, mas só pra 2019… Ainda há dúvida quanto ao seu visual, mas tudo indica que será parecido com o do Argo. A nova picape Fiat trará o motor Firefly, por isso provavelmente a sua dianteira terá componentes do Argo e do Mobi, mas pouco se pode prever da sua traseira, talvez uma mistura da Fiorino e da Strada. Mas só o tempo poderá satisfazer nossa curiosidade…

Ford Focus sedã

Aqui a maior parte das conjecturas de design são meramente especulativas. Trata-se da quarta geração do modelo Focus Sedan que promete ser bem diferente do atual, com a coluna C inteiriça. A novidade fica por conta do motor 1.5 turbo, primeiro Focus sobrealimentado vendido oficialmente no Brasil. A produção deverá acontecer na Argentina, mas a crise do país pode mudar os planos.

Ford Ka sedã

O projeto de atualização do modelo está em fase final e traz muitas novidades. Por fora: o para-choque será semelhante ao Fiesta (também já renovado). Por dentro: o motor do novo Ford Ka sedã será o 1.5 Dragon, que receberá uma nova transmissão manual. No lugar do dock de celulares será implantada uma central multimídia tipo flutuante, semelhante à do novo EcoSport.

Honda City

Assim como no Fit, agora o City passará por uma transformação. Provavelmente também ganhará controle de tração e estabilidade. Mas ao que tudo indica, as mudanças de design serão mais sutis que a do seu irmão hatch. O motor será o mesmo 1.5 de injeção eletrônica e 116/115cv e 15,3/15,2kgfm de torque. Detalhes como faróis diurnos de LED, lanternas e para-choques variarão de acordo com cada versão.

JAC T20

O modelo T20 vem para competir com os hatches de entrada, sendo mais barato que a maioria, custando em torno de R$ 40.000. Motor 1.4 flex de 113cv e 14,4kgfm (etanol) e câmbio manual de 5 marchas. Parecido com o J2 da marca, tem um que de aventura impregnado em suas linhas, a suspensão mais levantada ainda aumenta essa impressão, e o estepe traseiro também contribui no visual. Pode ser um potencial rival do Renault Kwid.

JAC Picape

O modelo é uma picape de porte médio, com 5,31m de comprimento e 3,09m de entre-eixos. O motor 2.8 tem apenas 115cv e 25,5kgfm de torque, mas com o diferencial de ser turbodiesel.

Kia Rio

Esperado por muito tempo, chega por fim o Kia Rio. Suas dimensões são 4,38m de comprimento e 2,58m de entre-eixos, com o porta-malas generoso de 387 litros. O modelo oferece ar condicionado digital, tela multimídia de 7 polegadas, volante com botões multifuncionais, partida sem chave, lanternas de LED e até mesmo teto solar. Está equipado com 6 airbags (frontais, laterais dianteiros e do tipo cortina), tem controle de tração e estabilidade, além do assistente de partida em rampa (HSA).

Kia Picanto

Nasce uma nova geração do Picanto. Com o visual semelhante dos antecessores, o modelo ganhou um toque de esportividade. As dimensões mudaram um pouco também, para maior, o entre-eixos ganhou 1,5cm. Contudo, o motor deve continuar a ser o 1.0 aspirado.

Nissan March

A marca japonesa tinha planos de nacionalizar o March ainda no primeiro semestre de 2018, mas teria que simplificar bastante o modelo em relação ao produzido na Europa (Como nome de Micra). O estilo até poderia ser mantido, mas o alto nível de tecnologia iria encarecer demais o carro. Isso tudo adiou para 2019 a nacionalização do novo March, que deverá manter motor 1.6 aspirado e caixa CVT.

Toyota Yaris

Esse modelo deverá ser um intermediário entre o Etios e o Corolla. Como motor 1.5 ou 1.6 e câmbio automático do tipo CVT, 6 airbags e um entre-eixos de 2,55m, teve os mesmos resultados nos testes de segurança do Asean NCAP, e deve custar entre R4 50.000 e R$ 60.000.

Conheça mais o Bagarai

O Bagarai.com.br é um site de notícias focado em automóveis. Saia do convencional, no Bagarai você encontra muito mais do que as últimas noticias, aqui você encontra conteúdo de uma forma bem humorada e divertida.

Vamos Bater um Papo?