Nova Scooter Honda SH 150 e 300 agradam nas ruas

A nova Scooter Honda SHi 150 e a SHi 300 tem um visual muito bacana, lembra remotamente as antigas Vespas, mas com um visual modernizado. Elas são ótimas para o dia-a-dia na cidade e têm um ótimo consumo de combustível. Mas o seu preço é um pouco salgado.

Motos
2 anos atrás
Nova Scooter Honda SH 150 e 300 agradam nas ruas

Preço da Scooter

O preço da nova Scooter da Honda, a SH 150 é de aproximadamente R$ 12.950; e o da sua irmã mais velha, a SH 300 é aproximadamente R$ 20.990. Um preço um pouco salgado, mas o modelo marca presença por onde passa.

Design diferenciado

A nova Scooter da Honda tem um acabamento diferenciado. Conta com bancos de dois níveis ergonômicos com costura de alto padrão. Na versão DLX ainda conta com uma pintura customizada que mistura o preto com um rose gold.

Além de um farol muito bem localizado, o modelo ainda conta com uma assinatura em LED exclusiva, que incrementa o visual e ainda aumenta a visibilidade do piloto.

Segurança garantida

Ela está equipada com rodas de liga leve aro 16, capazes de absorver melhor os impactos das irregularidades do pavimento, e aumentar o conforto e segurança do piloto.

Os freios ABS vem de fábrica no modelo. Eles evitam o travamento das rodas, proporcionando mais estabilidade no momento da frenagem.

Smart Key

A SH também traz a inovadora tecnologia Smart Key. Trata-se de uma chave que funciona por sensor de presença. Com ela você não precisa tirar a chave do bolso para ligar o veículo, basta portá-la consigo.

Sistema Idling Stop

Outro destaque tecnológico do modelo é o sistema Idling Stop que desliga o motor quando ele está em marcha lenta por mais de 3 segundos, religando automaticamente ao ser acelerado. Além de diminuir o consumo de combustível também diminui a emissão de poluentes.

Painel exclusivo

O design do painel da nova SH é exclusivo e moderno. A maior parte das informações é exibida em analógico, mas ele conta com uma parte digital com relógio e registro do consumo médio e instantâneo de combustível entre percursos.

Duas possibilidades de motorização

O modelo conta com dois motores, um deles é o OHC, monocilíndrico de 4 tempos, arrefecimento líquido, com 149,3 cc, potência máxima de 14,7 cv a 7.750 rpm e torque máximo de 1,40 kgf.m a 6.250 rpm. A transmissão automática tipo CVT.

O diâmetro x curso: 57,3 x 57,9 mm; relação de compressão: 10,6:1; sistema alimentação: injeção eletrônica PGM-FI. Movida apenas a Gasolina.

O outro é do mesmo tipo OHC, monocilíndrico, 4 tempos, arrefecido a líquido, mas com cilindrada maior de 279,1 cc, cuja potência máxima é de 24,9 cv a 7.500 rpm e torque máximo de 2,59 kgf.m a 5.000 rpm.

O diâmetro x curso: 72 x 68,6 mm; relação de compressão: 10,5:1; Sistema alimentação por injeção eletrônica PGM-FI; a Gasolina também.

Dimensões e chassi

As dimensões do modelo são: comprimento x largura x altura: 2026 x 740 x 1158 mm; distância entre eixos: 1340 mm; distância mínima do solo: 146 mm; altura do assento: 799 mm; peso seco: 129 kg.

A configuração do chassi é: monobloco (underbone); suspensão dianteira/curso: garfo telescópico / 100 mm; suspensão traseira/curso: dois amortecedores / 95 mm; freio dianteiro/diâmetro: a disco / 240 mm; freio traseiro/diâmetro: a disco / 240 mm; pneu dianteiro: 100/80 – 16; pneu traseiro: 120/80 – 16.

Bagarai

Saia do convencional, no Bagarai você encontra muito mais do que as últimas noticias, aqui você encontra conteúdo de uma forma bem humorada e divertida.

Vamos Bater um Papo?