Quanto custa uma mudança residencial? Depende do que você precisa

Quanto custa uma mudança residencial? Depende do que você precisa

Quando a gente se programa e cria um roteiro, tudo muito bem organizado, fica mais fácil, veja como organizar uma mudança rápida e não sofrer com esse momento que deve ser prazeiroso e motivador.

Sempre estamos trabalhando para melhorar nossas vidas, a mudança para uma nova casa deve ser um marco em nossa história, seja para uma cidade distante para conseguirmos uma vaga de emprego mais vantajosa ou uma chácara no interior para curtirmos a aposentadoria e o ar puro da natureza.

Embrulhe muito bem

Pode parecer bobagem, mas é super importante gastar um tempo para embalar com cuidado e encaixotar tudo com muito cuidado, pois no trajeto, mesmo com um ótimo motorista de caminhão, as estradas costumam ser esburacadas e claro que você não vai querer perder aquele lindo conjunto de copos por causa de uma freada brusca no trajeto.

É importante marcar

As caixas de papelão são muito parecidas, quando você embala pode parecer que será fácil lembrar onde está cada coisa, mas acredite, quando chegar ao destino as caixas parecerão iguais e tudo estará uma confusão, por isso é de grande importancia marcar cada caixa com seu conteúdo, também não caia na armadilha de colocar as coisas sem ordem, separe por categorias e por tip, assim vai facilitar quando você for organizar na casa nova.

Sozinho ou com empresa de transporte?

Essa é uma das dúvidas mais pertinentes na hora de fazer a mudança, as opções são as seguintes:

Fazer a mudança sozinho: Só você terá o zelo e o cuidado com carinho com as peças e objetos da casa, porém o esforço e a organização necessários para fazer a mudança por conta própria são gigantescos, ainda mais de uma casa grande, o esforço para separar as coisas e desmontar cada móvel é enorme, mas por outro lado a economia feita será bem grande, é uma boa opção para quem está com tempo sobrando e a grana curta.

Contratar uma empresa especializada em mudanças: os profissionais envolvidos estão acostumados com todo o processo, com a experiência deles você poderá ficar apenas supervisionando, enquanto toda a parte de mão de obra pesada fica com eles, por outro lado esse processo envolve custos altos.

Cuidado com os pets

Não deixe seu amigo peludo ficar “mais perdido que cão em dia de mudança”. Aproveite essas dicas e faça com que a mudança seja tranquila para seus animais de estimação:

Com os felinos, a mudança não é menos preocupante. Aliás, a atenção com eles deve ser redobrada, pois, os gatos tendem a retornar para seu antigo lar. “Os felinos possuem um senso de direção aflorado. A excelente memória visual e olfativa dos gatos permite que eles encontrem caminhos para lugares familiares”, explica Hamilton.

Para os gatos, os cuidados para adaptar o pet ao novo lar já começam no transporte. No carro, a caminho da nova casa, certifique-se de que o animal está devidamente preso em uma caixinha de transporte confortável. Diferentemente dos cães, a maioria dos gatos não gostam de andar em transportes e ficam mais ariscos durante os deslocamentos, o que pode tornar o início da mudança ainda mais traumatizante.

Ao chegar na nova residência, reserve um cômodo com portas e janelas fechadas para deixar o felino e seus pertences. O gato é muito apegado aos cheiros do lar, então, é mais seguro deixa-lo preso por um tempo até que ele se sinta ambientado.

Depois, permita que ele passeie pelos lugares e se lembre que aquele cômodo onde estão seus pertences é o seu porto-seguro. Em alguns dias, o gato estará ambientado e confortável com o seu novo lar.

Deixe seu comentário:

+ Casa e Jardim

Simples e barato: 10 dicas para decorar o quarto do bebê
Simples e barato: 10 dicas para decorar o quarto do bebê
Como harmonizar o banheiro com Feng Shui
Como harmonizar o banheiro com Feng Shui
5 dicas para encontrar uma desentupidora de esgoto e limpa fossa com bom preço
5 dicas para encontrar uma desentupidora de esgoto e limpa fossa com bom preço
Tags:, , , , , , , ,